Schwarzkopf BC Scalp Genesis Rebalancing Sérum

Disponibilidade:
Existente
Modelo:
PER-PT-16754
Marca:
Schwarzkopf Professional
45,79 19,90

Poupou 25,89€

Sem avaliação Escreva um comentário

No caso de o produto se encontrar esgotado, clique em cima do mesmo e escolha a opção “Notificar-me”.

Todos os produtos são originais com impostos e taxas incluídas.

partilhar nas redes sociais

BC SCALP GENESIS Para couro cabeludo desiquilibrado & cabelo fino
O nosso 1º Sistema Holístico Detox do couro cabeludo que reequilibra e assegura a condição futura do cabelo.
A fórmula constituída por vitaminas proporciona um detox e reequilíbrio do couro cabeludo e restabele a sua camada protetora contra os processos oxidativos resultantes do stress ou outros agentes externos. Os desíquilíbrios são visivelmente corrigidos.

BC Scalp Genesis Sérum Anti-Caspa com Complexo StemCode™ e Vitamina E equilibra couro cabeludo sensibilizado e ajuda a prevenir a caspa visível enquanto assegura a condição futura do cabelo.



Anti-Caspa

Tratamento anti-caspa: Como livrar-se da caspa?

A caspa afeta mais de 50% da população. As pessoas envolvidas têm apenas uma idéia em mente: livrar-se dela. De onde vem a caspa? Como tratá-la?

Como é formada a caspa?

A pele do couro cabeludo é composta por duas camadas: a derme e a epiderme. Renova-se aproximadamente a cada 28 dias graças à formação de novas células epidérmicas que eliminarão as células mortas empurrando-as para fora da epiderme.
A caspa ocorre quando um fungo chamado Malassezia (não contagioso) prolifera e faz com que a renovação celular seja interrompida. O ciclo passa de 28 dias para cerca de 5 dias. As células mortas não têm tempo para desprender-se, então, elas agarram-se umas às outras e concentram-se na forma de escamas (finas tiras de pele que saem da camada mais externa da epiderme na superfície do couro cabelo), formando o que é chamado de caspa.

Caspa seca ou caspa oleosa?

Caspa seca
A Malassezia alimenta-se principalmente da sebo produzida pelo couro cabeludo. Portanto, seca mais rápido e forma caspa seca que se parece com pequenos flocos de neve.

Caspa oleosa
O fungo bombeia a reserva natural de sebo do couro cabeludo e provoca o aparecimento da chamada caspa oleosa, mais difícil de tratar. É de cor amarelada e adere às raízes do cabelo formando feixes pegajosos. A caspa oleosa é maior do que a caspa seca. Podem facilitar o crescimento de bactérias e causar comichão ou perda de cabelo.

Quais são as causas da caspa?

1.    Causas genéticas ou médicas

•    Desequilíbrio hormonal (puberdade, gravidez, menopausa)
•    Couro cabeludo oleoso
•    Suor excessivo
•    Certos tratamentos médicos

2.    Causas psicológicas

•    Stresse
•    Cansado
•    Ansiedade

3.    Causas externas

•    Poluição
•    Produtos para os cabelos inadequados
•    Álcool e tabaco
•    Dieta desequilibrada
•    Cuidados com os cabelos muito agressivos (tintura, escovação, muito calor do secador de cabelo, etc.)
•    Mudança de climas
•    Uso prolongado de capacete ou boné

Como remover a caspa?

Existem diferentes tratamentos anti-caspa adaptados a cada tipo de cabelo.

Champôs e cuidados anti-caspa
Os tratamentos com champô anti-caspa tratam o couro cabeludo regulando o excesso ou a falta de sebo e retardando o crescimento do fungo.

Ingredientes a preferir:
•    Piritiona de zinco. É um excelente antifúngico (para combater fungos) e antibacteriano;
•    Alcatrão de carvão. Este anti-proliferador diminui a produção anormal de células dérmicas;
•    Enxofre ou ácido salicílico. Esses ingredientes ativos queratolíticos dissolvem as escamas descascando e eliminando a camada de queratina na superfície da pele;
•    O uso de um champô 2 em 1 sem sulfatos (detergente muito agressivo) é ideal.

A caspa está localizada na linha do cabelo e o uso de um champô anticaspa pode danificar as pontas. Considere hidratá-los com cuidados diários, como condicionador ou óleo. Se tem caspa seca, pode aplicar uma máscara nutritiva uma vez por semana em todo o cabelo.
Para ter um cabelo saudável, tudo começa com um couro cabeludo saudável. Geralmente, quando tem caspa, a fibra capilar fica opaca e sem volume porque, o couro cabeludo que precisa respirar, fica sensibilizado ou até sufocado pela caspa. Podem surgir por causa do stresse ou quando há excesso de sebo ou, pelo contrário, quando o couro cabeludo está irritado. Isso origina-se em parte por um fungo, Malassezia globosa, um microrganismo que ocorre naturalmente e causa a caspa. Para superá-lo, o objetivo é trabalhar para reequilibrar sua flora cutânea. Tudo começa com a escolha de um champô anti-caspa adequado enriquecido com Piroctone Olamine e antioxidantes para tratar os múltiplos sinais precoces de caspa.
Finalmente, o segredo é cuidar da maneira como lava o cabelo.  Usar uma pequena quantidade de produto e massajar delicadamente. Em seguida, enxaguar bem até que não haja espuma.
Após algumas semanas de uso, a caspa terá desaparecido, caso contrário, é melhor consultar um dermatologista.

Champôs de medicina e tratamento
Um dermatologista pode prescrever loções à base de corticosteroides, mas apenas para patologias muito graves, como psoríase.

Extratos de planta e óleos essenciais
Algumas ervas podem ser muito eficazes no combate à caspa. O alecrim tem propriedades antifúngicas e antimicrobianas. A própolis, um derivado do mel, é reconhecida por suas propriedades anti-sépticas e bactericidas.
Muitos óleos essenciais também podem tratar a caspa de maneira natural. Entre eles, o óleo essencial da árvore do chá limpa e acalma o couro cabeludo, a sálvia regula o excesso de sebo e o eucalipto é um antiinflamatório muito bom.
Deve seguir as dosagens certas, senão a situação vai piorar e surgirão ainda mais problemas relacionados à caspa.
É necessário procurar aconselhamento de um especialista antes de usar extratos vegetais ou óleos essenciais.

Suplementos alimentares e vitaminas
Certos suplementos dietéticos e vitaminas também podem ajudar a livrar-se da caspa. Dê preferência à vitamina A (ovos, laticínios), vitamina B6 (grãos inteiros, salmão ou banana) e vitamina E (peixes oleosos, avelãs e amêndoas).
Também os oligoelementos são importantes. O selênio, por exemplo, tem um efeito antioxidante e permite que o corpo produza uma enzima (com a ajuda da vitamina E) que protege as membranas celulares contra a oxidação causada pelos radicais livres. É encontrado principalmente na castanha do Brasil ou atum em lata.

Dicas para evitar a caspa

•    Não "maltrate" mais os seus cabelos. Massajar, enxaguar e pentear ou escovar   delicadamente.
•    Enxague sempre bem os cabelos com água morna e finalize com um jato de água fria.
•    Lembre-se de lavar o pente ou escova regularmente.
•    Limite o uso de géis modeladores, sprays ou laca para cabelo, tanto quanto possível, bem como o uso de um capacete ou boné.
•    Espace o tempo entre lavagens, alisadores e corantes (uma vez por mês).
•    Certifique-se de encontrar (ou manter) uma dieta balanceada, nem muito rica nem muito ácida.


tratamentos

Para cada tipo de cabelo, um cuidado!

Cabelos lisos, encaracolados, ondulados. Cabelos lisos, muito volumosos ou com caracóis. Existem diferentes tipos de cabelo! Na verdade, todos os nossos cabelos têm necessidades diferentes, dependendo do tipo.
Para ter cabelos bonitos, é importante escolher o tratamento certo para o seu tipo. Máscara, champô, champô seco, óleo, etc.
Que tratamento escolher, se realmente não sabe a que categoria o seu cabelo pertence?

O cabelo é dividido em 4 categorias:
•    Cabelos lisos
•    Cabelos ondulados
•    Cabelos cacheados  
•    Cabelos crespos

Cabelo liso

O cabelo liso é geralmente o mais fino, das 4 categorias. Eles também são aqueles que se emaranham à primeira rajada de vento ou que tendem a ser oleosos. Esses pequenos aborrecimentos podem ser evitados! Primeiro, para evitar que se enrolem, recomendamos que os hidrate bem com um cuidado adequado para não pesar. Se o seu cabelo dificulta e fica oleoso muito rapidamente, não é segredo: tente lavá-lo o menos possível! Uma ou duas vezes por semana é ideal. De fato, quanto mais você lava o cabelo, mais o sebo presente no couro cabeludo é secretado. É esse sebo em questão que deixa os cabelos oleosos!
Não hesite em usar várias dicas para escondê-lo: bandanas, bonés, amarrados em um coque, etc. Se realmente os achar muito sujos, um pouco de champô seco os soltará da raiz e dará um pouco de volume. No entanto, tome cuidado para não usar demais os champôs secos que atacam o couro cabeludo, se usados em excesso.

3 tipos de cabelos lisos :
•    Cabelos finos que tendem a emaranhar-se
•    Cabelos finos com um pouco mais de força
•    Cabelo liso mas grosso
Existem tratamentos especialmente projetados para cabelos lisos e finos.

Cabelo ondulado

A segunda categoria de cabelo inclui cabelos ondulados. Eles são levemente onduladas nas pontas, para um visual ondulado ultra moderno ou ondulado das raízes. Esse tipo de cabelo nem sempre é fácil de domar! De fato, as suas belas ondas nem sempre resistem a uma boa noite de sono. De manhã, quando acorda, baixe a cabeça e passe delicadamente os dedos entre os caracóis, para tirá-los da raiz e dar-lhes uma boa forma. Evite escovas de cabelo convencionais a todo custo: elas podem quebrar os cachos e danificar o cabelo. Em vez disso, opte por um pente com dentes grandes.

3 tipos de cabelos ondulados:
•    Cabelos finos com uma leve onda em forma de S nas extremidades
•    Cabelos com ligeiros cachos em forma de S e um pouco de frizado no couro cabeludo
•    Cabelos com muito volume e cachos em S bem definidos

Cabelos cacheados/crespos

Quando pensamos em cabelos encaracolados, lembramo-nos de Julia Roberts em Pretty Woman! Mas, para obter um resultado digno dessa deusa da beleza, é importante cuidar muito bem do seu cabelo encaracolado. Primeiro, evitamos a todo custo as pontas secas e danificadas, que quebram o cacho e deixam o cabelo opaco.
Idealmente, aplicar uma máscara nutritiva nas pontas pelo menos uma vez por semana, pelo maior tempo possível. O seu cabelo fica brilhante com saúde graças a esta máscara! Então, não se esqueça de desembaraçar antes de lavar o cabelo (sim, isso também se aplica aos cabelos encaracolados!). Permite que o couro cabeludo seja perfeitamente lavado e mantenha uma boa qualidade do cabelo.

3 tipos de cabelos encaracolados:
•    Cabelos com cachos largos, bem hidratados e às vezes retos nas raízes
•    Cabelos com cachos bem definidos, das raízes às pontas
•    Cabelos com cachos mais apertados e menores das raízes


Cabelos crespos

Os cabelos crespos são os mais secos dos quatro tipos, por isso são muito pouco oleosos. Devemos evitar lavá-los demais: no máximo uma vez por semana, simplesmente para extrair impurezas e resíduos de poluição. Ao contrário de outros tipos de cabelo, prefere tratamentos sem enxaguar, que nutrem profundamente cabelos crespos. Por fim, cabelos crespos não desembaraçam com uma escova clássica, correndo o risco de quebrar o cacho e danificar a própria essência do cabelo. Se realmente deseja desembaraçar, use uma escova de cerdas de javali, menos agressiva que a de plástico!

3 tipos de cabelos crespos:
•    Cabelos enrolados a partir das raízes, muito volumosos e com uma onda em espiral
•    Cabelos enrolados e ondulados, mais finos e muito densos
•    Cabelos com cachos em Z, finos e frágeis



Cabelo

Dicas para manter a saúde, brilho e vida dos nossos cabelos.



1. Em primeiro lugar, lavar, cortar e hidratar o cabelo regularmente são palavras de ordem. Neste processo é necessário escolher os produtos mais indicados para cada tipo de cabelo.

Uma linha mais hidratante para quem tem o cabelo seco ou quebradiço ou uma linha específica para quem tem cabelos pintados, por exemplo. Saber qual é o nosso tipo de cabelo é muito importante, para sabermos como tratá-lo na perfeição.

2. Após lavar o cabelo, pelo menos duas vezes por semana, é necessário aplicar uma boa máscara hidratante, para restabelecer os níveis de hidratação dos fios de cabelo.

Se o cabelo é seco, deve utilizar-se máscara duas vezes por semana, até obter-se a hidratação necessária, passando depois a aplicá-la apenas uma vez por semana.

3. Uma dica muito importante – Evitar desembaraçar o cabelo enquanto ainda estiver molhado, pois ao passar um pente pelos fios de cabelo entrelaçados, estes correm o risco de ficarem partidos ou danificados.

4. Aplicar uma boa quantidade de spray protetor de calor e secar o cabelo com a ajuda de um secador. Secar todos os dias o cabelo não o danifica, desde que o secador seja colocado a uma distância de cerca de 25/30 cm do cabelo, utilizando sempre um protetor de calor.

5. É necessário escolher os produtos de styling mais adequados para o look desejado. Sem uma ajuda extra, será difícil alcançar o objetivo pretendido.

Inscreva-se na Newsletter


Neste momento não temos este produto em stock. Introduza o seu email para receber uma notificação assim que o produto esteja disponível.