Gucci


A história da casa Gucci é uma das grandes e belas histórias de luxo, luxo italiano em particular. Como na Louis Vuitton, é originário do couro. Símbolo do know-how italiano, a Gucci é hoje uma das líderes em luxo mundial e um substancial grupo multimarcas.

A história desta marca começa após a Primeira Guerra Mundial, em 1921, quando Guccio Gucci abriu em Florença, sua cidade natal, uma oficina e uma loja especializada em artigos de couro. Ele já havia trabalhado no Savoy Hotel em Londres, onde teve a oportunidade de estudar os gostos e costumes da nobreza e da alta sociedade. Gucci traz sofisticação inglesa para a Itália. Graças ao trabalho dos artesãos da Toscana, combinado às inovações e técnicas de Guccio Gucci, os itens de sua oficina rapidamente se tornaram um grande sucesso.
Os itens da Gucci são inspirados no mundo equestre; os padrões da broca de cavalo e do estribo, com uma faixa tricolor verde vermelho e verde, vem deste universo e rapidamente se tornaram emblemáticos da empresa florentina. A clientela da Gucci, local ou de passagem, é rica e novos produtos são vendidos assim que lançados e rapidamente se tornam icônicos.
Durante os anos difíceis do fascismo, a Gucci realmente se estabeleceu como uma empresa de criatividade excepcional. Faltam materiais A Gucci inova e apresenta materiais alternativos, como cânhamo, linho, juta e um dos bambus mais reconhecíveis. Uma bolsa, a famosa bolsa "Bambou", foi criada no final da década de 1940 e marcará para sempre a história da marca. Sua forma é inspirada na lateral de uma sela de cavalo e seu cabo de bambu é tratado e colorido por um processo quente. A "bolsa de bambu" se destaca como um "must have" da época: a rainha Frederica da Grécia, Grace Kelly, Elizabeth Taylor e Deborah Kerr a usam. A bolsa, que combina perfeitamente inovação e artesanato, ainda hoje é vendida, em estilo modernizado e em várias versões.

Foi em 1938 que a Gucci abriu uma boutique em Roma. Vai se tornar um lugar imperdível na década de 1960, os anos gloriosos de La Dolce Vita. Na década de 1940, os filhos de Gucci, Aldo, Vasco, Ugo e Rodolfo adquiriram uma participação minoritária no negócio e a Gucci manteve o controle da empresa até sua morte em 1953. Em 1951, foi a abertura. da boutique de Milão na 5 Via Montenapoleaone e dois anos depois, a Gucci estreou nos EUA na New York. Logo depois, será a vez de Londres, Palm Beach, Paris e Beverly Hills para sediar uma boutique Gucci. Graças à visão internacional de Aldo, a Gucci está sendo aclamada em todo o mundo e crescendo em popularidade. A marca se tornou um símbolo estabelecido de luxo moderno e qualidade inigualável.
Gucci atrai figuras lendárias da época. A chamada bolsa "Jackie O" leva o nome de sua maior admiradora, Jacqueline Kennedy Onassis, uma grande admiradora de Guccio, enquanto a macia e desestruturada "Hobo Bag", com seu estilo distinto unissex, foi usada por personalidades como Liz Taylor, Samuel Becket e Peter Sellers. Outra criação muito procurada é o mocassim com detalhes de brocados. Em 1962, esse famoso mocassim participou da coleção exibida no Instituto de Figurinos do Metropolitan Museum of Art, em Nova York, como um acessório de moda com linhas únicas.

Nos anos que se seguiram, a Gucci explorou novas aplicações e interpretações de seus designs icônicos, incluindo a broca de cavalo, estribo, cores verde vermelho e verde, design GG interligado e crista. Desenhado pelo próprio Guccio Gucci, o "brasão" representa um cavaleiro carregando bagagem, com uma rosa estilizada e um leme. Enquanto o mundo equestre permanece a referência, o tênis e o golfe também têm seu lugar no vocabulário expressivo da Gucci.
Nas décadas de 1970 e 1980, houve uma reorganização da marca, com a abertura de uma nova fábrica em Casellina, perto de Florença, e a subsequente transformação da antiga oficina da Via delle Caldaie em um showroom. A Gucci continua a se expandir no exterior, abrindo lojas em Chicago, Tóquio e Hong Kong.

Em 1982, a Gucci se tornou uma empresa pública limitada e, após uma série de discussões estratégicas dentro da família, a administração da empresa foi confiada ao filho de Rodolfo, Maurizio. A Investcorp, uma empresa anglo-árabe, comprou 50% das ações de propriedade de Aldo e seus descendentes em 1989. Maurizio mantém os 50% restantes e permanece presidente da empresa até 1993, quando vendeu todas as suas ações. ações da Investcorp.


Nos anos 90, a marca causou sensação sob a administração de Domenico De Sole e Tom Ford. As linhas da Gucci são revolucionárias, criticadas e cobiçadas por consumidores de todo o mundo. Esta moda combina tradição e inovação, luxo e modernidade. A marca está redescobrindo sua "aura" do passado e mais uma vez seduzindo celebridades, como Madonna, Nicole Kidman, Gwyneth Paltrow, Rainha Rania da Jordânia, Sting, Tom Cruise, Mick Jagger e Brad Pitt que usam seus designs. Gucci afirma seu lado provocador. O mocassim horsebit se torna um estilete, os vestidos de cetim de seda colorida são cortados perto do corpo, as calças de veludo são baixas nos quadris.

Em 1999, a Gucci estabeleceu uma aliança estratégica com o grupo francês Pinault-Printemps-Redoute. Ao longo dos anos, aquisições importantes, como as de Yves Saint Laurent, Bottega Veneta, YSL Beauté, Boucheron, Sergio Rossi, Bedat & Co., Alexander McQueen, Stella McCartney e Balenciaga, fortaleceram ainda mais o portfólio de luxo do Gucci Group. .

Em julho de 2004, a oferta pública lançada pela PPR se materializou; a divisão Gucci continua sendo o principal pilar financeiro do grupo (99,4%), sendo removida das bolsas de valores de Amsterdã e Nova York. Quando seus contratos expiraram em abril de 2004, Domenico De Sole e Tom Ford deixaram a empresa. Robert Polet substitui De Sole e se torna Presidente e CEO do Grupo Gucci. Mark Lee se torna o novo presidente da Gucci, enquanto a responsabilidade pela gestão da criação é dada a um trio de estilistas, incluindo Frida Giannini.

Em 2005, aos 35 anos, Frida Giannini foi nomeada Diretora Criativa do pronto-a-vestir feminino da Gucci, além de sua responsabilidade por todos os acessórios. Ela veio da Escola de Moda de Roma e trabalhou para a Fendi. Em 2006, tornou-se responsável pelo pronto-a-vestir masculino, sem perder o rótulo de Diretor Criativo da marca. Sob sua liderança, Gucci revisitou suas fundações mais autênticas e rompeu com o estilo de Tom Ford. A linha Flora foi revisada e aplicada a todos os acessórios da Gucci, incluindo bolsas, sapatos e relógios. As coleções de Frida Giannini são uma celebração do passado e do presente.

De 2005 a 2008, a Gucci obteve lucros magníficos. Novas lojas foram abertas nas principais capitais, como Tóquio, Nova York e Londres, atingindo quase 258 butiques exclusivas em todo o mundo. Durante esses anos, a marca mudou-se para a China. Em janeiro de 2009, a Gucci tinha 25 lojas em 17 cidades diferentes na China, destacando seu compromisso inabalável com essa nova e crescente região.
Em 2005, a Gucci fez uma parceria com o UNICEF para apoiar órfãos e crianças africanas e, desde então, Gucci doou quase US $ 7 milhões para a instituição de caridade. Frida Giannini tem um papel ativo em atrair as principais celebridades para a marca, escolhendo Drew Barrymore e Claire Danes para campanhas de joalheria, James Franco para fragrâncias e trabalhando em estreita colaboração com Madonna e Rihanna em iniciativas para arrecadar fundos. fundos para Malawi e UNICEF.
Em janeiro de 2009, Patrizio di Marco foi nomeado presidente da Gucci, substituindo Marc Lee. Os artigos de couro Gucci e o pronto-a-vestir sempre foram fabricados na Itália, uma garantia da qualidade dos produtos Gucci. De acordo com um estudo de 2007 da Nielsen, a Gucci é considerada a marca de luxo mais desejada no mundo e uma das mais conceituadas. Hoje a marca é usada por muitas personalidades como Carla Bruni, Zoé Saldana, Heidi Klum e é essencial, em especial, para um público jovem.


Categoria:
Gucci coffrets perfume Bamboo

-19%

NOVIDADES

Klorane Eye Make-Up Remover

-28%

New

label.m Hairspray

-48%

New

label.m Mesh Styling

-34%

New

label.m Matt Paste

-45%

New

label.m Leave In Conditioner

-46%

New

label.m Honey & Oat Shampoo

-32%

New

label.m Gel

label.m Gel

18.00 12.90

-28%

New

label.m Treatment Shampoo

-34%

New

label.m Blow Out Spray

-34%

New

Sebastian Dark Oil Lightweight Mask

-68%

New

Inscreva-se na Newsletter