Kenzo conjunto 3 miniaturas Flower By Kenzo

Availability:
In Stock
Product Code:
PER-PT-25385
Brand:
Kenzo
59.00 39.90

You save 19.10€

Not yet rated Write a review

In case the product is out of stock, click on it and choose the option “Notify me”.

All products are original with taxes and fees included.

Share in social media

3 X 4ml EDP Flower By Kenzo


Por quase meio século, Kenzo injetou energia positiva e profundamente humana na indústria de luxo, enquanto reivindicava uma moda ousada, livre e sem fronteiras. Retrato de uma marca que celebra a diversidade cultural em todas as suas facetas.

Fundada em Paris pelo designer japonês Kenzo Takada, a casa sempre cultivou um estilo tão avant-garde quanto acessível, o que a torna única. A mistura de estampas, a harmonia de cores e a exuberante criatividade de cada designer que contribuiu com a construção fazem desta marca independente de origem japonesa uma aposta certa internacionalmente - e isso desde os anos 1970. .

De Himeiji a Paris
Nascido em 1940 em Himeiji, perto de Kobe, Japão, Kenzo Takada desenvolveu seu interesse por moda desde cedo, enquanto folheava as revistas femininas de sua irmã. Aos 18 anos, forçado a obedecer aos desejos de seus pais, ele começou um curso de estudos literários na Universidade de Kobe. Rapidamente entediado com suas aulas, Kenzo Takeda se opôs à escolha de seus pais e se mudou para Tóquio, onde ingressou no Bunka Fashion College. É, portanto, um dos primeiros alunos do sexo masculino da instituição a ser admitido no setor da moda e têxtil.

Durante os estudos, o jovem sonha em se estabelecer em Paris e tentar a sorte como jovem designer. Seu desejo se tornou realidade em 1964, quando se mudou para a capital. Em Paris, a nova visão da indumentária de Courrèges, um verdadeiro revolucionário do vestuário, inspirou-o a criar uma série de 30 criações, 5 das quais foram aceites pelo costureiro Louis Feraud para quem trabalhou. Nos anos seguintes, trabalhou em vários grandes armazéns, bem como no grupo têxtil Pisanti e na empresa Relations Textiles.

Em 1970, ousou usar o próprio nome, e abriu sua primeira loja chamada Jungle Jap no Le Marais, onde hoje fica a Galerie Vivienne. Desde o início, Kenzo Takada ofereceu uma visão que se destacou daquela da alta costura parisiense e de sua cena artística elitista e fechada. Um verdadeiro visionário, ele já antecipava em sua época uma moda mais diversificada e aberta, livre dos ditames da alta sociedade.
Evolução e renascimento de Kenzo

Foi em 1988 que Kenzo decidiu criar seu primeiro perfume para homem. Inicialmente destinada ao público masculino, a perfumaria Kenzo caracterizava-se por imensa frescura. Então, todos os perfumes da marca apareceram, tanto para homem quanto para mulher, ainda apresentando popularidade crescente. Une eau par Kenzo nos imerge constantemente em um universo maravilhoso, ao mesmo tempo moderno, dinâmico e poético.

Para se destacar de seus concorrentes em um ambiente hostil, a Kenzo demonstra criatividade sem limites. Sua eau de parfum para mulheres, assim como suas essências masculinas, sempre têm frascos cuidadosamente elaborados. Kenzo também conta com campanhas publicitárias muito poéticas. Cada um de seus anúncios de perfume nos leva a um mundo quase onírico, ao mesmo tempo que preserva uma profunda modernidade. Os filmes publicitários de Kenzo estão totalmente em sintonia com os tempos e se baseiam na música de pub muito apreciada pelo público. Kenzo grita e não hesita em fazer barulho. O mais recente Kenzo World é um dos melhores novos perfumes e é a personificação perfeita da ousadia da marca. No entanto, nenhuma marca de luxo ousou apresentar um anúncio como a sua. Totalmente maluca, essa essência acaba de se juntar à grande coleção de perfumes Kenzo e registra a marca como uma das marcas de perfume mais criativas que existe.

Em 1993, a marca Kenzo foi comprada pela LVMH. Alguns anos depois, mais precisamente em 1999, Kenzo Takada anunciou sua saída, deixando sua equipe de criação a cargo de sua casa, até que o designer italiano Antonio Marras - que ingressou na marca já em 2003 - foi nomeado. diretor de criação em dezembro de 2008. Marras respeita e mantém o DNA da casa, ao mesmo tempo que agrega um toque decididamente latino que se caracteriza pela feminilidade de seus cortes.

Então, de 2011 a 2019, os criadores Humberto Leon e Carol Lim nomeados à frente da casa reinterpretam o DNA de Kenzo, com o objetivo de injetar uma energia cintilante no patrimônio da marca. No cerne da sua abordagem está o amor pela exploração dos valores humanistas, pelas viagens aos quatro cantos do mundo e pelas respectivas culturas que se manifestam em cada coleção.

Desfile da primavera verão 2017 Humberto Leon Carol Lim Kenzo

Californiana e de origem asiática, a dupla destaca-se pelas inúmeras colaborações com artistas de vanguarda e pela sua forma de transmitir uma verdadeira joie de vivre através das suas colecções, sem deixar de se manter fiel aos valores do fundador da a casa. Como o jovem Kenzo Takada, que habilmente desafiou os códigos estabelecidos dos anos 1970, esta dupla criativa desafia o aparente elitismo da indústria de luxo ao oferecer um guarda-roupa de luxo de qualidade a preços acessíveis.
Um novo começo para Kenzo

Marcada pelo optimismo, a nova era Kenzo promete ser fecunda: ao nomear o designer português Felipe Oliveira Baptista à frente da sua direcção artística, a casa Kenzo dá novos impulsos ao seu património e reafirma o seu potencial cheio de criatividade e inspirações ainda inexploradas. Movido por uma visão criativa que alia requisitos estéticos e funcionalidade, Felipe Oliveira Baptista dá início a um novo capítulo na história da marca, respeitando o seu património muito particular.

Show de outono / inverno 2020 de Kenzo Felipe Oliveira Baptista

A primeira coleção do designer que foi revelada durante a apresentação das coleções Outono-Inverno 2020/2021 em Paris e que se destaca pelas silhuetas tão atléticas quanto poéticas, reminiscentes do minimalismo lúdico de Kenzo Takada. Em apenas uma coleção, Felipe Oliveira Baptista conseguiu dar um toque inovador aos códigos da casa Kenzo e assim refletir a vontade do seu fundador, que sempre procurou romper com as tradições estabelecidas.



Miniaturas Perfumes

10 regras básicas para sua coleção de miniaturas de perfumes!


1.   A sua família e amigos
Pergunte à família, amigos e colegas se eles têm algum frasco deixado na gaveta do banheiro ou guardado noutro sitio. A partir de agora, quando eles receberem uma miniatura na perfumaria, vão pensar em si.

2.    Que miniaturas de perfumes colecionar?
Você pode escolher um tema ou vários temas de acordo com seus gostos e seu orçamento:
- as principais marcas francesas: Guerlain, Dior, Nina Ricci
- frascos de cor precisa ( azul por exemplo)
- frascos antigos: Mury, Coty, Cheramy
- frascos de famosos: Estrelas de cinema, cantoras etc…
- frascos de marcas de alta-costura: Cerruti, Gaultier, Mugler
- frascos de forma original (animais, busto feminino, bola, chaveiros, jóias)

3.    Vendas de garagem e feiras especializadas
Vendas de garagem e feiras não devem ser perdidas. Verá rapidamente que os preços nas feiras são muito mais altos, por isso recomenda-se as compras na garagem no primeiro ano, para iniciar a coleção. Não terá dificuldade em formar uma coleção por um valor bastante razoável e quem sabe, talvez encontre algumas peças raras. Faça pelo menos um salão para ver a diferença. Assim, pode admirar os novos produtos, conversar com vendedores e colecionadores.
Na internet pode encontrar a peça que faltava na sua coleção e ofertas das últimas novidades que levará tempo a encontrar de segunda mão.

4.    Orçamento limitado
Como em tudo, deve definir limites. Deve permanecer um hobby, até mesmo uma paixão, mas não uma obsessão! Algumas peças podem custar até várias centenas de dólares, então vá com calma! Em geral nas vendas de garagem o preço de uma miniatura sem caixa varia de 0,20 a 2 €, e de 3 a 5 € com caixa.
No início da sua coleção, certamente terá como alvo o mais barato, o mais clássico como Miracle, Dune, Paris, Poison. Por cerca de 50 €, terá cerca de dez. Depois de um ou dois anos, não encontrará tantos frascos nas vendas de garagem, verá que muitas vezes são as mesmas que encontramos. Será necessário contar de 10 € a 20 € para uma novidade. Acima de tudo, tenha paciência!
Não se precipite com as novidades mais recentes quando elas forem lançadas. Aguarde alguns meses e o seu preço terá diminuído (de cerca de 5 a 10 €).
Se escolher um tema para sua coleção, e dependendo desse tema, os preços nos poderão ser totalmente diferentes.

5.    Livros de cotações
Um livro de cotações é essencial. Permitirá avaliar a sua coleção e, acima de tudo, ajudá-lo no seu processo de compra, guiá-lo nas suas negociações. Não há necessidade de comprar uma miniatura com o dobro do seu valor, ou pelo contrário não hesite em comprar um frasco por 1 € que custa 20 € etc.
Atenção, se folhear o livro à frente do vendedor, ele fará perguntas e corre o risco de aumentar os seus preços. Pergunte o preço, lembre-se do nome do perfume e consulte a cotação depois, mesmo que signifique voltar mais tarde.
Existem valores certos (Dior, Guerlain, Chanel), mas há marcas que não falam connosco de forma alguma e ainda assim os frascos têm uma boa classificação (ex: Jacques Fath, Le Galion). Pode usar L'officiel du marché 2ª edição de Geneviève Fontan (livro em Francês), bem como as suas publicações anuais para novos produtos e, claro, a referência o livro 8.000 miniaturas de perfumes. Este último infelizmente já não é publicado. Se preferir adquiri-lo, alguns revendem ele em sites especializados.
Em nenhum caso uma cotação é um preço de venda. É um valor estimado com base no resultado de várias vendas (leilões etc). Mesmo que os livros de cotações sejam essenciais para nós, devemos permanecer cautelosos. Nem todos indicam o mesmo valor para o mesmo produto.  Isto porque os anos de publicação são diferentes, portanto, os estudos em que se baseiam são diferentes. Devemos também, e acima de tudo, levar em consideração a condição das nossas miniaturas em comparação com a classificação dada nesses livros. São apenas referências para nos ajudar nas nossas trocas e compras.

6.    Nunca jogar fora as caixas
O que faz o valor da miniatura é o frasco cheio e a sua caixa: uma miniatura sem caixa pode perder até 50% do seu valor! Infelizmente, nem sempre encontrará a miniatura com a sua caixa. Compre mesmo assim se o preço não for muito alto (não mais de 3 € para um contemporâneo), terá a oportunidade de adquirir o conjunto posteriormente. Além disso, não devemos esquecer que para alguns perfumes é difícil encontrar o conjunto completo (por exemplo: miniaturas antigas). Seria uma pena perder uma grande oportunidade.

7.    Nunca abrir os frascos
Se abrir o frasco, a fragrância irá espalhar-se. Por isso é imprescindível não abrir para cheirar o perfume! Alguns frascos terá dificuldade em encontrar cheios. Outras miniaturas também perderão o cheiro com o tempo, apesar das suas precauções. Trata-se do valor da sua coleção. Alguns contentam-se com frascos vazios.

8.    Proteja-os da poeira e da luz
Miniaturas não gostam do sol porque podem perder a sua cor original. Proteja-os também da poeira, se não quiser perder tempo limpando-os. Quanto menos precisar limpá-los, mais preservará as impressões das etiquetas. Para a manutenção dos seus frascos, recomendo toalha de papel, cotonetes ou até palitos para desobstruir as rolhas e o spray, o que revelará o brilho do vidro.

9.    Exiba-os em vitrine
As miniaturas de perfumes são uma coleção de prestígio. Os seus frascos vão merecer destaque numa vitrine iluminada (de preferência) para uma apresentação mais agradável. Pode adicionar pedras coloridas, pérolas, etc. Inspire-se nas vitrines das lojas de perfumes e a sua coleção integrará facilmente no seu interior para a contemplarem!

10.    Troque
Quando encontrar miniaturas baratas que já possui, compre-as assim mesmo. Não hesite em fazer uma reserva para trocar ou revender. Não se esqueça as trazer para as feiras e vendas de garagem. Pode ter a oportunidade de conhecer outro entusiasta com quem fazer bons negócios.
Participe em fóruns, trocas na Internet, consulte links de outros licitadores.


Perfumes

Quais são os diferentes tipos de perfumes?

Dentro de um frasco de perfume, não há apenas a substância odorífera, o perfume é composto principalmente de um suporte, cujo papel é dissolver bem as substâncias odoríferas. Existe um para terminar, geralmente um fixador, o que ajuda a fortalecer a tenacidade da fragrância. O fixador geralmente está na forma de pó de raiz de íris.
Há uma infinidade de perfumes, fragrâncias aqui e ali que enchem as prateleiras de perfumarias em todo o mundo. Mas o mais impressionante é que cada um desses aromas é único. Portanto, é natural fazer a seguinte pergunta:

Em que se baseiam essas diferenças entre as fragrâncias?

Podemos diferenciar os perfumes de acordo com vários critérios. Em primeiro lugar, existe uma diferença com base na natureza do meio.
Existem 3 tipos de perfume de acordo com este critério:
1.    As fragrâncias alcoólicas são as mais comuns, o portador é o etanol puro.    Tem a vantagem de ser muito volátil, deixando apenas o cheiro na pele.
2.    Fragrâncias oleosas que são particularmente suaves na pele.
3.    Perfumes sólidos, comumente chamados de "concreto de perfume", onde os componentes do perfume são diluídos num "bálsamo". Esses aromas são aplicados em pequenas quantidades nas áreas selecionadas.

Além disso, uma distinção pode ser feita até mesmo em perfumes alcoólicos, de acordo com o teor de compostos odoríferos. De facto, nos nossos perfumes vemos nomes diferentes como "eau de parfum" ou "eau de toilette". É aí que reside a diferença de qualidade, muitas vezes relacionada com a diferença de preços entre os perfumes.

•    Existem águas doces ou colónias que contêm uma concentração inferior a 8% de substância odorífera. A fixação é de mais ou menos 1 hora.
•    As Eau de Toilette. Têm uma concentração de 6 a 12%, para uma fixação de cerca de 3 horas.
•    A eau de parfum que fazem parte desse crescimento em concentração com entre 10 e 20% de substância fragrante, por um período de várias horas.
•    Por fim, há os próprios perfumes, que são compostos por 15 a 40% de material odorífero e que garantem uma fixação por vários dias.

Composição do perfume: as notas

Quando falamos sobre perfume, frequentemente falamos sobre notas: topo, coração, notas de base. Correspondem à composição em substâncias odoríferas do produto:
•    Notas de topo: são as primeiras notas, aquelas que se sente assim que o produto se dispersa no ar; notas frescas de frutas cítricas ou ervas;
•    Notas de coração: estas são as que vão cheirar por várias horas, é o caráter do perfume; notas poderosas de flores, frutas;
•    Notas de base: estas são as notas que durarão vários dias, que permanecerão; notas quentes e poderosas de madeira, musgo.

Famílias de fragrâncias

Quando vamos a uma perfumaria, geralmente somos questionados sobre que tipo de perfume gostamos: mais floral, amadeirado, âmbar, etc.

Existem sete famílias de fragrâncias principais
1.    Aromas cítricos: compostos de raspas de frutas: laranja, bergamota, cidra;
2.    Fragrâncias florais: compostas principalmente por flores: jasmim, rosa, violeta;
3.    Aromas de samambaia: notas amadeiradas, lavanda, musgo de carvalho;
4.    Cheiros de chipre: acordes de musgo de carvalho, patchouli, bergamota;
5.    Aromas amadeirados: notas quentes de sândalo, patchuli, cedro;
6.    Aromas de âmbar: fragrâncias orientais, doces, em pó com baunilha;
7.    Perfumes de couro: compostos por notas secas de tabaco, fumaça, madeira queimada.

É possível distinguir perfumes a partir da natureza do composto odorífero.
•    Na maioria das vezes, está na forma de óleos essenciais, que são concentrados de moléculas voláteis da planta. São obtidos por destilação.
•    Existem também muitos perfumes feitos das chamadas matérias-primas vegetais "absolutas". Como os óleos essenciais, são encontrados em perfumes alcoólicos, oleosos e sólidos.
•    O terceiro tipo de composto odorífero relativamente presente no mercado de perfumes corresponde aos extratos de CO2 que permitem obter um odor mais próximo da planta do que do seu óleo essencial. Os extratos de CO2 são 100% naturais e muito ecológicos.

Cabe ressaltar que, com a industrialização do perfume e o progresso da química, emergem processos sintéticos que possibilitam a obtenção de compostos odoríferos artificiais. O cheiro sintético às vezes é mais fiel do que o da matéria-prima natural, como no caso da rosa.


 

Newsletter Subscribe


We do not currently have this product in stock. Enter your email to receive notification as soon as the product is available.