Dana


Dana: "Canoé", "Tabu", "Emir" fragrâncias raras, perfumes cultos

O fundador da casa Dana é o perfumista espanhol Javier Serra. Embora a casa tenha sido criada em 1921, vai ter um lugar indiscutível na perfumaria graças à colaboração do eminente Jean Carles, um dos narizes mais famosos de Grasse. Jean Carles criou para Dana sua fragrância de culto, que permanece um grande clássico das samambaias e flores femininas hoje, a famosa "Canoé" lançada em 1935.

Quando Javier Serra conhece o lendário Jean Carles

O ex-diretor da Myrugia, Javier Serra criou sua própria casa de perfumes requintados com o nome de “Dana” em 1921 em Barcelona. Por que Dana? Muito simplesmente porque é o nome de uma ninfa nascida num campo de flores ... E a casa de Dana não deixará de oferecer perfumes sensuais e originais à imagem desta bela ninfa que desperta a criatividade e o imaginário.
Em 1932, Javier Serra parte para Paris para se cercar dos maiores especialistas em perfumaria, entre eles seu amigo de longa data Jean Carles, um dos narizes mais promissores da perfumaria fina de Grasse. Juntos darão então à casa de Dana, já por iniciativa da criação de vários perfumes incluindo "Tabu" em 1931, os perfumes originais e sensuais que a jovem casa de perfumes espanhola cobiçava.
Assim nasceram em 1935 o lindo chipre oriental "Emir" e a brilhante samambaia florida oriental "Canoé".

As fragrâncias icônicas de Jean Carles são o sucesso de Dana


"Canoé" é certamente o perfume que fez o sucesso da marca Dana. Esta bela fragrância, encerrada em um frasco com a imagem de uma mulher com curvas agradavelmente arredondadas, oferece a imagem de uma fragrância leve e esportiva decorada com preciosas bandeiras marítimas que sugerem uma fragrância arejada e revigorante. "Canoé" é uma fragrância feminina totalmente unissex, o seu tesouro reside na sua extrema simplicidade, sendo fortemente empurrada das suas facetas orientais e aromáticas para as sinfonias olfativas doces, subtis e sensuais.
Após o sucesso fenomenal de "Canoé", a dupla formada por espanhóis e franceses de Grasse acabará por resolver separar novos caminhos. Além disso, em 1946, Jean Carles criou a famosa primeira Escola de Perfumaria Roure em Grasse, que mais tarde se tornou a famosa Escola Gévaudan. É claro que ele também continuará a criar maravilhas na perfumaria, como "Ma Griffe" de Carven ou mesmo "Miss Dior".
Quanto à casa Dana, embora os perfumes que se seguem a esta pausa sejam menos espectaculares do que "Tabu", "Emir" ou claro "Canoé", terão o mérito de fazer crescer a casa de perfumes Dana oferecendo-lhe belas originalidades. imagem de "Chantilly" em 1941, "Pullman" em 1952, "Ambush" em 1959, "Symbol" em 1965 e finalmente "Herbissimo" em 1972. Agora vendida para uma empresa de perfumes americana, Dana continua a oferecer novas fragrâncias enquanto sai, de forma intermitente, claro, para os amantes da "Canoé" do "Tabu" ou do "Emir" algumas garrafas de tesouros preciosos.


Categoria:

NOVIDADES

Dana perfume Rapport Sport

-58%

New

Dana perfume Rapport Black

-51%

New

Bebe perfume Bebe Gold

-71%

New

Bebe perfume Bebe Desire

-78%

New

Inscreva-se na Newsletter